terça-feira, 4 de outubro de 2011

Parlamentares relevam diferenças religiosas e se unem em Brasília






Em Brasília, parlamentares evangélicos e católicos passaram a atuar em conjunto, visando a aprovação de projetos de interesse de ambas as partes, bem como a retirada ou reprovação daqueles que contrariam os princípios cristãos.

As duas bancadas totalizam cerca de100 parlamentares. 

Segundo noticiado pelo "O Globo", são pelo menos 368 projetos em que as duas bancadas trabalham unidas.

Dentre os que a luta é para a não aprovação, estão propostas como a união civil entre homssexuais, criminalização da homofobia, legalização do aborto e o divórcio instantâneo - cujo processo ocorra pela Internet.

Outro projeto que causou reação entre os parlamentares prevê o pagamento de uma pensão para a mulher que engravidar após ser estuprada.  A pensão deverá ser paga até a criança completar 18 anos de idade.

Sobre a união das bancadas, o deputado João Campos (PSDB-GO) declarou: 

"Foi-se o tempo em que católicos e evangélicos
se estranhavam aqui no Congresso... hoje
trabalhamos juntos na proteção da família
e da vida"


Fonte: Gospel+ Notícias


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você gostou deste artigo poste um comentário!

Observações:
1º) Somente usuários com conta no Google poderão publicar seus comentários aqui no Blog do SM@rtiN.
2º) Todos os comentários serão avaliados pelo administrador do blog para posterior publicação.
3º) Os textos com conteúdo impróprio, ofensas e palavrões serão automaticamente excluídos. Se houver reincidência, o acesso do usuário ao blog será bloqueado.

Obrigado!